Apê de 25 m²: marcenaria faz render o espaço

Este apartamento paulistano de metragem enxuta esbanja conforto e estilo ao apostar em uma marcenaria versátil e cores de personalidade marcante. Confira

Quando os arquitetos Italo Priore, Bruna Turquiai e a designer de interiores Daniele Capo, do escritório paulis-tano IBD Arquitetura entraram pela primeira vez neste apê recém-entregue pela construtora, com planta aberta e pelado, ficaram chocados com o tamanho. “É o menor imóvel que a gente já trabalhou. Mas, depois de pron-to, todos nós ficamos com vontade de morar nele!”, revela Daniele, que, ao lado dos sócios, fez render os 25 m². “A proprietária comprou para alugar, então, queria um projeto unissex, mas com identidade jovem”, fala Bru-na. “Outro pedido foi a otimização dos espaços de armazenagem: tínhamos de fazer caber tudo o que uma casa precisa ter. Questão resolvida em boa parte com a marcenaria”, aponta a arquiteta.

 (Sidney Doll/Divulgação)

Móvel Inteligente

 (Sidney Doll/Divulgação)

“Apesar de haver um armário generoso (2,24 x 0,63 x 2,72 m*), ainda faltava espaço. Daí tivemos a ideia desta peça sob a cama, que funciona como um grande baú, com gavetas profundas (72 x 52 x 13 cm) e compartimentos, até mesmo embaixo do colchão”, fala Daniele. O tablado tem 2,29 x 2,26 x 0,19 m, é feito de MDF com laminado amadeirado claro. Além do colchão, nele se apoiam dois assentos – são tapetes de pelo alto (1,20 x 0,80 m, 3 Irmãs Concept, R$250 cada).

Sem Aperto  Com móveis curinga, a circulação fica livre. Coube até um jardim zen (1) na varanda. Com pedras brancas, este canto proporciona aconchego. “E serve também para esconder o equipamento de ar-condicionado”, fala Daniele.

Sem Aperto<b style="text-align:justify;font-size:16px;" (Ilustração Alice Campoy/Minha Casa)

Mix de boas ideias e materiais

 (Sidney Doll/Divulgação)

ºComo uma moldura para a cama, foram aparafusados painéis de MDF cinza até a metade das paredes. “O maior possui uma canaleta em U, com 8 cm de profundidade, para apoiar quadros e objetos”, comenta Italo. Repare no efeito visual resultante do casamento dos painéis com as pinturas das superfícies acima deles. A cinza imita cimento queimado (Efeito Mármore Texturatto Especial, cor Cinza Asfalto, da Suvinil) e a de tonalidade azulada é tinta acrílica (cor Azul Ilusão, ref. P329, da Suvinil).

ºA marcenaria do apê inteiro foi desenhada pelo escritório IBD e executada pela Todeschini (R$21700).

Pequena notável e prática

 (Sidney Doll/Divulgação)

ºA cozinha compacta ganhou gabinete e módulo aéreo, micro-ondas e cooktop de duas bocas. “Para otimizar ainda mais, elegemos uma torneira com filtro acoplado (Twin 1148C, da Deca. C&C, R$ 1 206,99)”, fala Bruna.
ºA sisudez do conjunto é quebrada pelo nicho amarelo. O preto marca presença em volta das gavetas, no rodapé e na persiana da varanda. “Ela ajuda a barrar a luminosidade sem precisar de blackout”, diz Daniele.

 (Sidney Doll/Divulgação)

ºCom padrão amadeirado, o piso vinílico conversa com a marcenaria e reforça o pretendido aconchego. “Queríamos um piso resistente para evitar as manutenções frequentes”, aponta Italo.

Graça e soluções incríveis

 (Sidney Doll/Divulgação)

º“No banheiro, combinamos revestimentos de baixo custo: tiles pretos, porcelanato cinza e tinta amarela [cor Bico de Tucano, ref. P027, da Suvinil. Extra , R$ 200,51 o galão de 3,6 litros], esquentando o clima”, fala Daniele. O mesmo tom aparece no nicho inferior do gabinete da pia.

 (Sidney Doll/Divulgação)

ºNa varanda, o verde do jardim vertical espanta a frieza. Além disso, é impossível ficar indiferente aos engenhosos móveis desenhados pelos projetistas: uma mesa retrátil, que fechada vira um quadro-lousa; e os módulos batizados de M² , que soltos são bancos ou apoios, mas unidos formam uma mesinha ou um aparador. “Um verdadeiro curinga da casa”, finaliza Daniele. Feita sob encomenda pelo IBD Arquitetura em diversas cores e tamanhos, a M² é de MDF com estrutura de chapa de aço e pode aguentar até 120 kg.

*Largura x profundidade x altura. Preços pesquisados entre 9 e 12 de março de 2018, sujeitos a alteração. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s