Apê de 37 m2 com estilo industrial e reforma de baixo custo

Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

 (Divulgação/Minha Casa)

Quando comprou este apartamento térreo, o morador sabia que ia precisar de ajuda para renovar completamente o espaço, que estava mal iluminado, mal distribuído e descuidado.

Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

 (Divulgação/Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo)

Para melhorar a circulação e luz natural, a solução das arquitetas Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo para o imóvel, que tem 37,5 metros quadrados e fica em Porto Alegre, foi derrubar duas paredes – a que dividia a sala do quarto e a que formava um corredor na entrada. Na cozinha, uma janela foi adicionada com vista para o pátio interior e o telhado de vidro virou uma claraboia.

Veja também
Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

 (Divulgação/Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo)

Durante a obra, que durou dois meses, foi necessário descascar paredes, pilares e vigas estruturais, que estavam infiltradas. Na hora de passar o reboque, uma das laterais ficou assim mesmo, rústica, trazendo um ar industrial para a decoração. O piso, de cimento queimado, foi escolhido pela praticidade e pelo preço acessível – o revestimento também tem tudo a ver com o estilo proposto.

Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

 (Divulgação/Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo)

“Victor é um jovem DJ, e queria que sua casa tivesse jeito de bar. O projeto está situado em um dos locais mais cools de Porto Alegre. Assim, direcionamos ele para um estilo industrial e despojado caminhando pela linha do minimalismo”, contam as profissionais.

Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

 (Divulgação/Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo)

Como o orçamento do morador, que tem 29 anos e vive sozinho, era limitado, os gastos foram concentrados na reforma. Entre as propostas inteligentes estão a mesa de centro, feita com uma janela, e a cama, estruturada com pallets pintados. Na decoração, a máquina de escrever estava abandonada na rua e as malas antigas, já do morador, receberam nova utilidade.

Veja também
Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

 (Divulgação/Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo)

O resultado é um apartamento descolado e cheio de personalidade. No décor, alguns dos destaques são a bancada da cozinha, em L e que serve de mesa de jantar; a porta de entrada, renovada por meio da cor azul petróleo; e as obras de arte, que colorem todo o espaço.

Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

 (Divulgação/Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo)

“O projeto é um espaço único integrado, mas ao mesmo tempo separado por suas características. A cozinha possui tons mais escuros e também é delimitada pelas vigas superiores e pela claraboia. A sala tem mais vida, mais cor e o quarto é clean. Então, mesmo você estando no mesmo espaço de 37 metros, você sente a diferença de cada ambiente”, dizem Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo.

Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

 (Divulgação/Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo)

Em Porto Alegre, este apartamento térreo ganhou jeito de bar a pedido do morador, um advogado e DJ de 29 anos

 (Divulgação/Eloisa Piardi Ricchetti e Camila Lopes Camargo)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s