Apê de 42 m² bem aproveitados

Apenas com revestimentos e sem quebrar paredes, o apartamento compacto se transformou em uma morada alegre e jovial

Além do gostinho de estreia, o primeiro projeto realizado pela arquiteta Cristiane Dilly ao chegar a São Paulo, vinda do Rio Grande do Sul, teve um quê especial: foi feito para ela mesma. Após a compra do apartamento, o orçamento enxuto não permitia arroubos na reforma. Por sorte, apesar de o imóvel estar visualmente maltratado, não tinha problemas nas instalações elétricas e hidráulicas. E, já que não havia dinheiro para modificações na planta ou soluções arrojadas de marcenaria, Cristiane apostou na substituição dos acabamentos. “Trocar revestimentos e pintura era a forma mais rápida e barata de renovar o espaço”, explica. Seguindo a receita, planejou uma base neutra para a decoração e usou detalhes de cores fortes para personalizar cada cantinho do endereço onde vive há pouco mais de um ano.

 (Salvador Cordaro/Minha Casa)

Ventilador de teto
Modelo Volare Premium. Lustres Yamamura
Rack, módulo e prateleiras
Telhanorte
Sofá-cama
De camurça sintética (1,90 x 0,70 x 0,90 m*). Pró-Espaço
Pufe sintético
O Set Bis mede 42 x 42 x 45 cm. Tok & Stok
Mesa lateral
Modelo Elastic (56 x 41 x 68 cm). Tok & Stok
Abajur
Gallery Mini. Leroy Merlin
Vidros coloridos
Usados como castiçal. Bibix
Cofre patinho
Dot Design
Persiana romana
Duas peças de 0,85 x 2,40 m. Carpetão
Deque de pínus
Três módulos de 1,50 x 0,30 m ocultam a cerâmica. Leroy Merlin
Floreira
De madeira, a Roma (60 x 30 cm) acolhe temperinhos. Shopping Garden Sul
Agilidade determinou as escolhas

 (Salvador Cordaro/Minha Casa)

• Na pressa de se mudar, Cristiane priorizou modificações que, além de baratas, pudessem ser feitas rapidamente. Uma delas foi a pintura de listras no cantinho do jantar. As faixas foram pintadas de vermelho (ref. R109), verde (ref. D145) e marrom (ref. C165), da Suvinil.
• Na troca do piso laminado da sala e na execução do mobiliário da cozinha, a arquiteta escolheu um mesmo tom de madeira, o que reforça a unidade e também dá a sensação de espaço.
• Em vez de gesso, o rodateto foi feito de moldura de isopor colada e pintada – método mais rápido e limpo.

 (Salvador Cordaro/Minha Casa)

• Cristiane optou por isolar a lavanderia atrás de uma porta de correr de vidro. Coberto com uma película adesiva branca translúcida, o vidro deixa entrar a luz natural, mas esconde o varal de quem chega ao apartamento, já que a porta para a cozinha foi eliminada.

Antes

 (Arquivo Pessoal/Divulgação)

• Saiu o piso cinza e entrou um porcelanato claro, que multiplica a luminosidade.

 (Salvador Cordaro/Minha Casa)

• Os armários brancos deram lugar ao mobiliário planejado em tom de mel.

 (Salvador Cordaro/Minha Casa)

• A bancada agora é de granito preto-são-gabriel, em uma combinação elegante com a parede parcialmente revestida de pastilhas de vidro vermelhas.
Nichos de gesso acartonado
Emoldurados na parede pintada de camurça (ref. C171), da Suvinil, exibem objetos queridos. Gesso Vital
Mesa de jantar
Com tampo de vidro e base cromada, mede 95 x 95 cm. Lojas KD
Cadeiras
De couro sintético. Casas Bahia
Porta de correr de vidro
Duas folhas de 0,64 x 2,20 m, sendo uma fixa. Vidroart
Pastilhas de vidro
Com 2 x 2 cm, da Kolorines
Bancada de granito
Mede 2,13 x 0,58 m. Telhanorte
Eletrodomésticos
Cooktop com quatro bocas da Continental e refrigerador de 403 litros da Bosch. Fast Shop
Móveis planejados
São da Moddular. Telhanorte
Piso laminado
O modelo saiu de linha. Um padrão semelhante – o Eucafloor Evidence Nogueira Málaga – na Madefloor
A reforma dispensou modificações na planta

 (Ilustração Alice Campoy/Minha Casa)

• Uma das poucas alterações foi a criação dos nichos (1) perto da entrada. Com cerca de 30 cm de profundidade, eles recepcionam as visitas e dão charme à passagem entre a cozinha e o jantar.
• Para ganhar amplitude, a moradora dispensou a porta que comunicava a sala com a cozinha (2). Já entre esta e a lavanderia, preferiu colocar um modelo de vidro (3).
• Como os espaços são compactos, há poucos móveis, posicionados de modo a não dificultar a circulação. “Não existe nenhum obstáculo para ir da porta de entrada à varanda”, exemplifica.
Mais luminosidade e cor no banheiro
• Cristiane removeu a banheira e instalou um boxe transparente. Assim a área ganhou luz e se modernizou.

 (Salvador Cordaro/Minha Casa)

• A troca do espelho por uma peça maior aumentou a claridade e deu amplitude visual. Fixado na parede, ele poupa espaço na bancada.
• O tampo de granito escuro foi substituído por outro de concreto, revestido de pastilhas de vidro em tom lilás – quem disse que banheiro não é lugar para cores ousadas?

 (Salvador Cordaro/Minha Casa)

• As pastilhas compõem detalhes em faixas nas paredes e em nichos para xampus e cremes dentro do boxe.
• Apenas as paredes em torno do chuveiro receberam porcelanato. As demais foram pintadas com tinta acrílica.
• Novas portas e gavetas atualizaram o gabinete reaproveitado.
Pastilhas de vidro
Com 2 x 2 cm, são da Kolorines
Cuba de apoio
Da Incepa. Telhanorte
Misturador
O Waterfall, da Lorenzetti, exibe visual futurista. C&C
Boxe
Cada folha de vidro tem 0,72 x 1,90 m. Vidroart
Espelho
Mede 1,30 x 1 m. Vidroart
Delicado, sem abrir mão da praticidade
• Como vive sozinha, a dona do apartamento optou por um visual bem feminino, porém sem excessos. As cores escolhidas e os acessórios deixam claro que este é o quarto de uma mulher – sem nenhum babado à vista!

 (Salvador Cordaro/Minha Casa)

• A tradicional imagem oriental das cerejeiras em flor é o tema do adesivo de parede que empresta ares românticos ao recanto.
• Para poupar preciosos centímetros, Cristiane dispensou a cabeceira. Em seu lugar, uma faixa de 1,10 m de altura, pintada de berinjela (ref. P090, da Suvinil), emoldura a cama. “Queria algo simples, alegre e barato.
• Observe como o tom da parede se repete nos porta-travesseiros, complementado pela suavidade do branco e do prata.
Cama box
Para ganhar espaço de armazenagem, optou-se por um modelo king com baú interno. Copel
Criado-mudo
O Model tem estrutura de pínus e pintura branca de poliuretano. Tok & Stok
Luminárias articuladas
Modelo de mesa, feito de alumínio e com 70 cm de altura. Leroy Merlin

Persiana de alumínio
Mede 1,50 x 1,30 m. Carpetão
Edredom
Zelo
Porta-travesseiros
De malha roxa, medem 40 x 40 cm. Zelo
Porta-travesseiros
Brancos, com 50 x 70 cm. Boutique dos Enxovais
Almofada rolinho
De brocado prata, tem 30 x 20 cm. Bibix
Almofada florida
É de jacquard e mede 40 x 40 cm. Gallery Antiqua
Despertador
De metal cromado. Tabacaria Di Lucca
Adesivo de parede
Mede 1,65 x 1,21 m. I.Stick

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s