Casa Viva

Um lar completo instalado em dois contêineres compõe a exposição itinerante Casa Viva, da Leroy Merlin, que oferece exemplos de como é possível construir, decorar e viver de forma sustentável

RIQUEZAS REGIONAIS

Com projeto do arquiteto Maurício Arruda e distribuição de ambientes proposta por Raquel Lopes, a casa container homenageia diferentes áreas do Brasil. A varanda apresenta influências do Nordeste com poltronas de rede, cordões de lâmpadas de LED e uma estrutura feita de vasos de barro e tábuas de madeira formando um jardim suspenso.

PONTO DE ENCONTRO

Integradas à sala sala, as áreas de refeições e cozinha remetem ao estado de Minas Gerais com mesa ampla e louças azuis e brancas de Monte Sião. A madeira de pinus auto clavado usada no piso desses ambientes e em toda a parte externa é de reflorestamento. Atrás da divisória de cobogós, fica a lavanderia, revestida de pastilhas feitas a partir de PET reciclado.

CLIMA URBANO

A sala, que também conta com home office, tem uma cara mais cosmopolita para lembrar a cidade de São Paulo e suas tonalidades de cinza. Toda a iluminação utiliza LED e o piso é de material reciclável imitando placa cimentícia. Destaque ainda para as luminárias montadas com lâmpadas fluorescentes recicladas.

PURO ACONCHEGO

O quarto abusa de texturas e da madeira de reflorestamento para dar um toque acolhedor típico da região sul do país. Já o banheiro remete à Amazônia com a parede verde de samambaias. Aqui, todos os metais foram escolhidos em função da economia de água. A estrutura da casa contêiner conta ainda com cisternas que armazenam água da chuva e placas solares.

Conheça mais detalhes e o itinerário da Casa Viva em www.leroymerlin.com.br

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.