3 formas de usar objetos inusitados como vasos

Reunimos aqui três projetos apresentados em mostras de decoração que provam que os mais inusitados recipientes podem virar vaso

3 formas de usar objetos inusitados como vasos03 Na estante de aço corten, o destaque são as hortaliças alocadas dentro de gavetas soltas. O projeto, Espaço de Receber da Chef de Cozinha, é dos arquitetos Marcelo Diniz, Mateus Finzeto e Deise Pucci, para a Casa Cor Franca 2017. E atenção: para não estragar a madeira, o ideal é proteger o fundo e as laterais com manta impermeável ou utilizar jardineiras menores que fiquem ocultas.

Na estante de aço corten, o destaque são as hortaliças alocadas dentro de gavetas soltas. O projeto, Espaço de Receber da Chef de Cozinha, é dos arquitetos Marcelo Diniz, Mateus Finzeto e Deise Pucci, para a Casa Cor Franca 2017. E atenção: para não estragar a madeira, o ideal é proteger o fundo e as laterais com manta impermeável ou utilizar jardineiras menores que fiquem ocultas. (Casa Decora Home/Minha Casa)

3 formas de usar objetos inusitados como vasos02 “Com ervas plantadas em medidores de cereais pintados de cobre, fizemos um canto que lembra uma horta atrás da casa, como as de antigas fazendas”, diz Dauanne Arruda, que projetou a Fit Kitchen, com Sarah Cavalcanti, para a Casa Cor Paraíba 2016. Cada peça foi pregada na parede de pálete e recebeu um furo no fundo para drenagem da água.

“Com ervas plantadas em medidores de cereais pintados de cobre, fizemos um canto que lembra uma horta atrás da casa, como as de antigas fazendas”, diz Dauanne Arruda, que projetou a Fit Kitchen, com Sarah Cavalcanti, para a Casa Cor Paraíba 2016. Cada peça foi pregada na parede de pálete e recebeu um furo no fundo para drenagem da água. (Lyssandro Silveira/Minha Casa)

3 formas de usar objetos inusitados como vasos01 Panela e escorredor de macarrão abrigam as pimenteiras no espaço Cozinha Industrial, criado pela arquiteta Érica Salgueiro para a Casa Cor SP 2017. A ideia tem tudo a ver com o ambiente e deixa os temperos ao alcance do cozinheiro. A única ressalva é usar uma manta de bidim por dentro do escorredor para evitar que a terra escape pelos furinhos.

Panela e escorredor de macarrão abrigam as pimenteiras no espaço Cozinha Industrial, criado pela arquiteta Érica Salgueiro para a Casa Cor SP 2017. A ideia tem tudo a ver com o ambiente e deixa os temperos ao alcance do cozinheiro. A única ressalva é usar uma manta de bidim por dentro do escorredor para evitar que a terra escape pelos furinhos. (Renato Navarro/Minha Casa)

 

 

Veja também
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s