Varanda de apartamento com jeito de jardim

Decorada de azul e amarelo, a área é perfeita para relaxar ou receber amigos - sempre na agradável presença de plantas e de uma fonte d’água

O encontro entre a dona deste apartamento e a paisagista Paula Galbi se deu graças à revista MINHA CASA de março/2017. Ao ver um projeto da profissional na capa da edição, a moradora se animou a fazer da própria varanda um espaço aconchegante para desfrutar com a família e os amigos. Paula aproveitou a existência de um belo painel de ladrilhos hidráulicos para compor neste canto o jardim com uma pleomele-anita e um filodendro-xanadu, que vivem bem na meia-sombra. Um confortável banco ganhou a extremidade oposta, abraçado pela floreira externa repleta de bela-emília.

 (Luis Gomes/Minha Casa)

No princípio era o azul

º Esta cor já estava presente no painel de ladrilhos quando Paula iniciou o projeto. E então a moradora mencionou o gosto pelo amarelo. “Pronto, estavam dados os matizes principais, somados ao verde das plantas e à madeira”, diz a paisagista. À paleta alegre se uniram o cinza-claro e o vermelho-fechado, que temperou a composição.

 (Luis Gomes/Minha Casa)

O verde ganhou as paredes
º As suculentas, que antes ficavam sobre uma mesinha, agora se destacam em prateleiras feitas especialmente para elas. A recomendação da paisagista é regá-las a cada dez dias.

 (Luis Gomes/Minha Casa)

º Quando as persianas são abertas, a claridade inunda a varanda, por isso a bela-emília (Mercado Verde, R$ 35), tão apaixonada pelo sol, pôde ser usada também na área interna. “Plantas assim precisam de quatro horas diárias de insolação, pelo menos”, ensina Paula. Com suas miúdas flores azuis, essa espécie arbustiva deixa mais charmoso o canto criado para o café da manhã ou um bolinho no meio da tarde. Ali, os móveis claros suavizam a marcenaria de cumaru.

 (Luis Gomes/Minha Casa)

ºTingidas de vermelho, as palhas de carnaúba e de milho dão forma ao balaio usado como cachepô da bela-emília e ao cesto do tipo gaveta que guarda revistas. Da fonte, no centro do canteiro de seixos, brota o barulhinho de água corrente que chega até o banco de madeira. Com encosto reclinável e baú interno, o móvel de cumaru ficou mais convidativo com assentos acolchoados e almofadas de diferentes tamanhos e estampas.
11 m² para o relax

 (Ilustração Alice Campoy/Minha Casa)

º A varanda foi dividida em estar (1), canto de refeições (2) e jardim (3). Para não atravancar a área nem machucar os moradores, a mesa é pequena e redonda. Na jardineira externa (4), Paula plantou a bela-emília, que está também no piso (5). Nos seixos, uma pleomele-anita (6) e um filodendro-xanadu (7) ladeiam a fonte.

Quanto custou?

Móveis, tecidos e acessórios de decoração
Ladrilho hidráulico Art Nouveau, em branco e azul ultramar – Ladrilar, R$ 249 o m²

 (Luis Gomes/Minha Casa)

Marcenaria, toda de cumaru: banco em L (2,20 x 1,41 x 0,50 m*) com encostos fixo e reclinável; contenção de 5,10 m (caibros de 4 x 4 cm) para seixos; quatro prateleiras (47 x 22 x 25 cm); mão de obra para instalação. – Taúna Móveis, R$ 8 240
Mesa lateral redonda Festim, com base de madeira de reflorestamento e tampo de MDF, pintada de amarelo (50 cm de diâmetro e altura) – Tok&Stok, R$ 199,50
Mesa de jantar Conne, de carvalho pintado de branco (90 cm de diâmetro e 75 cm de altura) – Etna, R$ 1 699
Duas cadeiras Arles, com assento de madeira (seringueira) natural e pintura branca – Etna, R$ 399 cada
Seixos cinza no tamanho azeitona – Pedras Cristiane Rodrigues, R$ 12 o saco de 30 kg

 (Luis Gomes/Minha Casa)

Cesto Cofo G com tampa, de palha de carnaúba natural e tingida de vermelho (50 cm de diâmetro e 40 cm de altura) – Cestarias Regio, R$ 245
Cesta Gaveta, de palha de milho tingida de vermelho (26 x 36 x 26 cm) – Cestarias Regio, R$ 82
Quatro vasos de cerâmica branca Ondule (10 cm de altura), para as suculentas – Tok&Stok, R$ 19,90 cada
Tapetes Tear Dali Acqua, azul-claro mesclado (1,30 x 0,60 m), e Dhurie Ghana Blue Multi estampado (1,20 x 0,70 m) – By Kamy Store, R$ 436,80 e R$ 504, respectivamente
Acolchoados e rolinho: materiais (5 m de tecido Lance, aplicação de impermeabilizante Teflon e espuma) e mão de obra – Donatelli Outlet, R$ 560 e R$ 200, respectivamente
Duas almofadas Clássica de suede amarelo sol (35 x 60 cm) – Futon Company, R$ 128 cada

 (/)

Três almofadas da linha Shibori, com estampas tingidas nos padrões Tie, Drip e Round (45 x 45 cm) – Tok&Stok, R$ 75 cada
Capa de almofada Relevos, com tecido de viscose, poliéster e linho no tom cru, e enchimento Feitio (30 x 45 cm) – Tok&Stok, R$ 49,90 e R$ 9,90, respectivamente
Sobre a mesa, bandeja branca de madeira Cezzane (37 x 24 cm) – Tok&Stok, R$ 88,50

 (Luis Gomes/Minha Casa)

Jarra de vidro Doro, de 2,5 litros – Tok&Stok, R$ 129,90
Taça de vidro Lily, de 19 cm – Tok&Stok, R$ 19,50
Tigela cerâmica redonda Cities, branca com escritos em preto – Tok&Stok, R$ 26,50
Vaso de vidro Plus Fine (20 cm de altura) – Etna, R$ 25,99
Bowl cerâmico branco Madelleine (12 cm de diâmetro), na mesinha amarela – Etna, R$ 17,99

*Preços pesquisados em março de 2018, sujeitos a alteração.

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s